SLASH DIZ QUE FÃS DEVEM DESISTIR DE ESPERAR QUE ELE VOLTE AO GUNS N’ ROSES

15 09 2010

Enviado por: Raquel Hortmann
Publicado originalmente:
UOL Música

Slash, ex-guitarrista do Gun n’ Roses – diz que os fãs deveriam desistir de esperar que ele volte para a banda que deixou em 1996, uma vez que ainda existe tensão com o vocalista Axl Rose.

Ele disse: “acho que a quantidade de negação existente por aí sobre a realidade do Guns N’ Roses é impressionante. Acho que mesmo se conseguíssemos passar por cima das diferenças pessoais, nunca iria acontecer”.

Em alusão aos recentes incidentes nos festivais Reading e Leeds, quando Axl chegou tarde aos palcos, ele disse: “quatro caras querem tocar e um sujeito nem aparece, ainda é assim que acontece. Tirando a música, ainda existe o lado pessoal, então não acho que vá acontecer”.

Slash também revelou que finalmente fez um álbum solo por se sentir como um “substituto” ao trabalhar com outras pessoas. “Cheguei a um ponto em que queria pessoas tocando no meu disco, em vez de ser eu tocando no deles. Tenho feito tanto trabalho para os outros ao longo dos anos e há algo como uma coisa desconecta quando você está tocando no disco de outra pessoa. É legal quando você está fazendo mas, quando você termina, você já era. É como ser um substituto, então tive essa ideia de ter um monte de gente no meu disco”.

O roqueiro disse que também quis se desafiar, uma vez que está acostumado a trabalhar como integrante de um grupo. Ele contou ao Blabbermouth: “queria fazer algo por conta própria, ver do que eu era capaz sem outros quatro caras, porque eu sempre trabalhei com uma banda. Queria ser o capitão do meu próprio navio”.

Anúncios

Ações

Information

8 responses

15 09 2010
raquel

Mesmo se a formação clássica voltasse… não seria como antigamente.

O Charme da música (rock and roll) nos anos 60,70,80,90 ficaram p/ trás…

Hoje em dia , em pleno século 21 , as coisas mudaram demais. Esse mundo moderno, tecnológico e capitalista não deixaria jamais voltar nos bons tempos.

Olha o exemplo dessa banda do Axl.

Faz Sucesso ? Apenas arenas lotadas. E o resto ?
Chinese Democracy = Cd comercial. Voz do Axl ? Cadê o grito de 20 anos atrás ?
As músicas tocam na rádio ? Nunca escutei
Fizeram algum clip ? Não…
13 anos para lançar um disco comercial com uma “banda de desconhecidos”

E não é só Axl Rose. Outras bandas seguem o caminho do fracasso.

O rock and Roll acabou nos anos 90. Isso é fato!

O que surgiu nos anos 2000 ?
Green Day ? Blink 182 ? Creed ? The Strokes ? etc.

É TRISTE !!!!

ABRAÇO GABRIEL

15 09 2010
Gabriel Gonçalves

Fala, Raquelzinha! Realmente o bom Rock n’ Roll não está em evidência, mas ainda é possível encontrar boas bandas por aí. Tirando o Green Day – que eu gosto e que, na verdade, é do início dos anos 90 – estas bandas que você citou no fim do texto são de dar pena mesmo, rs. Mas nos anos 2000 apareceram muita gente boa também: The Darkness, Backyard Babies, Dream Evil, etc… Se a gente procurar, acabamos encontrando bons artistas ainda, mas stá mais difícil, porque hoje em dia eles não ocuam mais espaço na grande mídia – em meados dos anos 90, por exmeplo, clips do Sepultura venciam o top 10 da MTV, acredita? Hoje isso é impensável. Abração, Raquel!

17 09 2010
Fábio

Poxa Gabriel vc falou tudo msm!
O grande exemplo disso é o Sepultura, só que o lance da MTV é que eles só querem bandas novas que estão na moda do povão, e naquela época o Sepultura era novidade!

17 09 2010
Gabriel Gonçalves

Fala, Fábio! Cara, não acho que naquela eles estivessem atrás de novidades, mas a MTV Brasil era diferentre na época. Era direcionado para um público diferente, que gostava de música, procurava saber mais sobre os artistas, etc. Depois ela mudou seu público alvo para os adolescentes consumidores de modas musicais. Estas pessoas se dizem fã de determinado artista, tem o quarto coberto de posteres, etc, mas epois de um tempo, quando o artista já não está tão em evidência, somem. Cadê os fãs do Hanson, por exemplo? Se você encontrar em alguém que ainda seja, será muita sorte. E se você perguntar para a maioria daquelas menininhas que ficavam gritando por eles, elas vão responder que foi coisa de adolescente, ou seja, moda! Por isso que eu discordo de todo mundo quando dizem que os Beatles, os Stones, os Animals eram as boybands pop do anos 60. Com o passar dos anos, os fãs destas bandas só aumentaram – sem falar que o talento e a contribuição deles para a música foi infinita. Abração, cara!

17 09 2010
Leonardo Matheus

Eu não acho que o slash seja um guitarrista que va se dar bem trabalhando solo. A carreira solo para um guitarrista é dificil demais, pois tem pouco espaço para eles, sendo assim, somente os melhores dos melhores conseguem algo.

O slash pode ate conseguir algo, mas vai ter que se acostumar a fazer shows para 1 mil, 2 mil, quem sabe até 3 mil pessoas, ao invez de 20 ou 30 mil pessoas como fazia no guns e no velvet.

Quanto ao comentario da Raquel, o verdadeiro guns acabou em 1996, isso é fato. Mas o guns atual não é tão ruim assim. Como vc disse, pegue as bandas atuais e compare com o guns.

17 09 2010
Gabriel Gonçalves

É, Leonardo! Eu acho que é um mistério essa carreira solo de Slash – inclusive acho que nem ele tem interese em colocar sua carreira solo como seu trabalho mais importante – mas não podemos nos esqucer que Santana sempre foi um guitarrista admirado pelos conhecedores de música, mas que quase 40 anos após Woodstock, explodiu com aquele álbum, “Supernatural”, nestes mesmos moldes do de Slash – um vocal convidado para cada faixa. Claro que o estilo de Santana é bem mais acessível, mas ainda assim Slash pode descobrir um filão. Por falar em Santana, o mais novo álbum dele é neste mesmo esquema – um vocal em cada faixa – só todas as músicas serão covers de canções onde as guitarras são destaque. Haverá Cream, AC/DC, etc… Estou bem curioso para escutar. Abração, meu velho!

17 09 2010
Leonardo Matheus

Vc disse tudo quando falou do estilo do santana. Não são apenas fãs do rock que ouvem santana, fãs do blues, de musica latina. e quem sabe até do jazz.

Eu acho que a comparação mais proxima que temos para o slash é com o steve vai. Claro, steve vai é o Deus da guitarra, é de outro planeta, por outro lado, slash é mais conhecido dentro do rock, e também é um bom guitarrista. Como vc disse, é um misterio.

Sobre o novo do santana, estou ancioso para ouvir! Não sei se disse a vc um dia, mas eu sou muito fã de intrumental. Em especial de guitarristas como santana, steve vai, satriani, jimi (hendrix) malmsteen, e por ai vai. Fora do rock gosto muito do BB king e do stevie ray, que são muito bons tmb.

17 09 2010
Gabriel Gonçalves

Fala, Leonardo! Também estou muito ansioso para escutar este disco novo de Santana. Cara, suas referências de guitarristas não poderiam ser melhores! Stevie Ray Vaughan está no meu Top 3 de guitarristas: Clapton, Hendrix e Stevie Ray! Nada se compara com o groove de “Pride and Joy” e o desespero de “Texas Flood”. Aliás, em agosto deste ano ano completou 20 anos de sua morte. Passou muito rápido! Se você ainda não conhecer, procure os discos de um guitarrista de Blues de Brasilia. Ele se chama Nuno Mindelis, e gravou alguns discos tendo a Double Trouble – banda que acompanhou Steve Ray Vaughan – como banda de apoio. Muito bom o cara! Abração, meu velho!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: