DETALHES DA AUTO-BIOGRAFIA DE STEVEN ADLER SÃO REVELADOS

13 07 2010

Fonte: Blabbermouth

Segue abaixo o “release” da auto-biografia de Steven Adler, baterista original do Guns n’ Roses. Como é um “release” – escrito pela assessoria da editora – , vocês devem encará-lo como tal. Para quem se interessa pelos bastidores das bandas, é uma boa pedida.

Agora um comentário: tem uma parte aí no release que eu desconfiei seriamente que, ao invés de falar do baterista, o livro falava era do Joseph Klimber. Vejam se conseguem identificar qual a parte e escrevam aí nos comentários. Quem acertar ganha um exclusivo “muito obrigado”.

De Steven Adler, o baterista original do Guns n’ Roses, vem “My Apettite for Destruction: Sex, and Drugs, and Guns n’ Roses”, uma estória sobre os bastidores do Guns. Oferecendo uma perspectiva diferente do campeão de vendas “Slash”, Adler fala de sua vida com a banda, a briga intensa com o vício, como visto em “Dr. Drew’s Celebrity Rehab” e no “Sober House” (Nota do Tradutor: Reality Shows americanos que Adler participou).

Após 40 anos, 28 overdoses, três tentativas de suicídio, dois enfartos, algumas passadas na prisão, dois AVC’s debilitantes, Steven Adler, o “rockstar” mais autodestrutivo da história, está pronto para dividir a esmagadora verdade não contada, em “My Appetite for Destruction”.

Quando Adler tinha 11 anos de idade, ele contou aos seus dois melhores amigos que seria um “rockstar” na maior banda de Rock n’ Roll do mundo. Junto com quatro músicos de talento único – mas muito complicados e exigentes – Adler ajudou a formar o Guns n’ Roses. Eles emergiram das ruas – rockers primitivos que extinguiram o Glam Rock e seus cabelos enormes para ressuscitar o verdadeiro Rock com raízes no Blues.

Eles eram “rockstars” implacáveis, dentro e fora dos palcos, levando o lema “sexo, drogas e Rock n’ Roll” a um nível obsceno de indiferente abandono. No final dos anos 80 o Guns n’ Roses era uma das maiores bandas no mundo, ganhando manchetes, prêmios e shows esgotados, com um dos melhores álbuns de Rock n’ Roll de todos os tempos: “Appetite for Destruction”. Mas havia um preço a pagar. Para Adler foi sua saúde e sanidade, culminando em uma brutal expulsão por parte de seus irmãos de música, tão adorados uma vez. Adler vai fundo, revelando os últimos segredos, não só os seus mas de todo o Guns n’ Roses: a traição de Slash, o temperamento imprevisível de Axl, e a vingança de Duff. Ele desnuda tudo isto com esta chocante exposição que mapeia sua meteórica ascensão e devastador colapso.   

Adler foi humilhado e desonrado quando Axl chutou ele for a do Guns n’ Roses em frente a um público de milhões de telespectadores na MTV. Adler mergulhou no lado negro, passando a maior parte dos próximos 20 anos num inferno movido a drogas. Mas ele finalmente derrotou seu épico vício por crack e heroína, sob os cuidados do Dr. Drew Pinsky.

Com sua recém descoberta “claridade”, veio uma feroz determinação de contar tudo. Revelador, desolador, hilário e definitivamente inspirador, você nunca lerá nada mais absurdamente honesto do que “My Apettite for Destruction”.

“My Appetite for Destruction: Sex, and Drugs, and Guns N’ Roses” será lançado no dia 27 de julho, nos Estados Unidos. O livro – 304 páginas e capa dura – já está disponível para pré-venda no site “harpercollins.com”, por U$25.99. Ainda Não há previsão para o lançamento aqui no Brasil.

Capa do livro "My Appettite for Destruction", de Steven Adler.

Os outros membros do Guns n’ Roses o expulsaram da banda em 1989, dizendo que seu abuso de drogas estava atrapalhando sua performance. Em 1993, a banda concordou em pagá-lo U$ 2,3 milhões para acabar com um processo movido por Adler, que reclamava que um acordo no qual ele desistia do interesse na banda foi lido e assinado sem a presença de sue advogado.

Anúncios

Ações

Information

4 responses

13 07 2010
karin

Oba! Achoq vou ganhar o exclusivo “muito obrigado”..seria a parte: “Após 40 anos, 28 overdoses, três tentativas de suicídio, dois enfartos, algumas passadas na prisão, dois AVC’s debilitantes”????

Coitado!!!

13 07 2010
Gabriel Gonçalves

Muito obrigado! rs… O cara é um Highlander!

14 07 2010
Paloma

“Ainda não há previsão para o lançamento aqui no Brasil” Ahhhhhhh =( que tristeeee! Eu ia perguntar isso mesmo. Se já tinha previsão por aqui… espero que não demore!

Abraços,
Paloma

14 07 2010
Gabriel Gonçalves

Pois é, Paloma. Infelizmente ainda não existe esta previsão, mas não acredito que vá demorar muito. O Guns n’ Roses está na mídia brasileira novamente, e as editoras não vão perder a oportunidade. Muito obrigado pela visita e volte sempre!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: