ESPECIAL: SEMANA RONNIE JAMES DIO – PARTE II

18 05 2010

Leia a parte I do especial:

https://imprensarocker.wordpress.com/2010/05/17/104/

Dando continuidade à nossa SEMANA RONNIE JAMES DIO, vamos à segunda parte deste especial. Dio agora está prestes a se tornar um grande astro, com uma pequena ajuda de ninguém menos que Richard Blackmore.

A GRANDE CHANCE: RAINBOW

Em 1974 Dio foi chamado para ser o vocalista do Rainbow, banda que Richard Blackmore montava após ter saído do Deep Purple. O ex-Purple ainda contratou o Elf para ser sua banda de apoio no primeiro disco, contudo após as gravações Blackmore demitiu o resto da banda e contratou Cozy Powell, Jimmy Bain e Tony Carey. Os três, juntamente com Blackmore e Dio fizeram a tour do trabalho de estréia.

O hit do debut lançado em 1975, e intitulado Ritchie Blackmore’s Rainbow, foi a canção Man on The Silver Mountain. O Rainbow se diferenciava do Purple por fazer um som mais direto, sendo um dos primeiros a misturar Heavy Metal com Música Clássica, enquanto Dio escrevia letras sobre temas medievais para as canções.

Em 76 esta formação gravou o segundo disco da banda, Rising, e seus shows se consolidaram como uma das melhores apresentações ao vivo do mundo, imortalizadas no disco ao vivo On Stage, lançado no ano seguinte.

Rainbow em 1977.

Em 1978 o Rainbow soltou uma nova bolacha, intitulada de Long Live Rock n’ Roll, sendo que a faixa título e Kill The King hoje são verdadeiros hinos da música pesada.

Após extensa tour, que durou um ano, Blackmore decidiu levar a banda por um caminho mais comercial, convidando seu ex-companheiro do Deep Purple, Roger Glover, para produzir e compor para o grupo. Dio não concordou com os planos do guitarrista e decidiu sair do Rainbow, entretanto não ficou muito tempo sem trabalho, já que em 1980 ele foi chamado para substituir nada mais nada menos que Ozzy Osbourne no Black Sabbath.

Acompanhe a passagem de Dio pelo Sabbath na próxima parte do nosso especial.

Discografia do Rainbow (com Dio):

Ritchie Blackmore’s Rainbow – 1975
Rising – 1976
On Stage – 1977
Long Live Rock ‘n’ Roll – 1978

Veja Dio com o Rainbow, detonando com Man on The Silver Mountain.


Ações

Information

4 responses

18 05 2010
Marcos Gonçalves

Interessante a trajetória do cara. Já ouvi alguma coisa do Rainbow, mas nada que tenha se consolidado em minha cabeça. O que eu sei, por ouvir falar, é que o Ritchie Blackmore é um saco e que o Dio não deve ter aguentado muito tempo conviver com um chefe desses. Já o Ritchie de “Menina Veneno” tem cara de ser muito mais gente boa 🙂

18 05 2010
Gabriel Gonçalves

heheheheehe… realmente o Blackmore não tem uma fama de rapaz educado, rs. Ritchie de “Menina Veneno” parace ser chato pra cacete, hehehehe. Meu velho, procure os trabalhos do Dio no Sabbath (principalmente o Heaven and Hell) e o primeiro disco solo dele, Holy Diver. São duas obras primas. Abração, Marquêra!

18 05 2010
Ricardo Frota

Não curto heavy-metal, meu grande amigo, porém não posso negar que este cidadão canta MUITO! Grande artista!

18 05 2010
Gabriel Gonçalves

Pois é, meu velho… até os que não são chegados num som Heavy percebem que a voz desse cara era privilegiada. Este vai fazer muita falta! Abração

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: